Podcasts

Profissional de marketing: entenda o que raios está acontecendo (e o que importa agora) by Paulo Henrique Lemos

Se você é profissional de marketing ou comunicação, eu tenho um pedido pra te fazer. PARE o que você estiver fazendo e OUÇA os nove episódios do podcast Electronic Propaganda Society, produzidos pelo Mathew Sweezey e lançados em abril deste ano.

O assunto que ele ataca é a absurda, nociva e persistente INEFICIÊNCIA do marketing.

Em outras palavras, o simples fato de que em NENHUM outro mercado investe-se tantos recursos (tempo, dinheiro, pessoas, tecnologias, etc.) para tão pouco retorno, ou pelo menos o retorno que interessa: aquisição, retenção, crescimento, experiência e satisfação do cliente.

Raras vezes na nossa profissão um assunto tão importante (talvez "O" mais importante hoje) foi explicado com tanta simplicidade e riqueza de exemplos e referências, ligando os pontos.

Se você, meu caro profissional de marketing, está batendo cabeça, sem saber o que fazer direito, sem estratégia nenhuma, usando as ferramentas erradas, perdido no tiroteio de buzzwords e cansado de picaretas te empurrando soluções milagrosas, essa é sua oportunidade de fazer uma pausa e ENTENDER de uma vez por toda o momento que vivemos.

Então, ouça. Ouça de novo. Tome notas. Compartilhe. CHEGA de mediocridade. MUDE.

***

Links pra download do podcast:

Vale visitar também o site do Electronic Propaganda Society.

Como não desperdiçar seu budget de marketing by Paulo Henrique Lemos

Você trabalha com marketing? Então vamos começar 2019 falando do que importa.

Por que tantas empresas brasileiras ainda tratam o marketing como centro de custo?

Por que compram as tecnologias erradas na hora errada?

Por que usam tão mal os dados à sua disposição?

Por que resistem a pensar e fazer marketing respeitando o perfil e comportamento de seus clientes?

Respondo a essas e outras perguntas no podcast do Ricardo Abiz. Ouça e me diga se sou eu ou se é o nosso mercado quem está fora da realidade.

Uma dica: quem acha normal queimar o budget de marketing em ações sem impacto no crescimento do negócio não sou eu.